quarta-feira, fevereiro 22, 2012

Make-me...































Segundo a história, a maquiagem surge no ano 330 a.C.  No Oriente Médio, os habitantes pintavam seus corpos com cores rudimentares, especialmente o ocre e o negro, extraídos de minerais e diluídos em água, para reverenciar os deuses durante rituais religiosos. Tempos depois, os egípcios criaram óleos perfumados, a fim de proteger os corpos da intensidade do sol e do ataque de insetos.


 A palavra Cosmético vem do grego Kosmetikós e quer dizer "o que serve para ornamentar, enfeitar". 
Porém, pelo que pude verificar, as referências mais comuns sobre a utilização da maquiagem, apesar de trechos incluidos no Antigo Testamento que datam de 400 A.C., aparcem tendo o Egito como seu berço. É lá que se encontram os primeiros registros do uso de cosméticos. 


No Egito a maquiagem tornou-se parte da higiene diária e toma função de requinte. Começa então a maquiagem como ritual de beleza.Os faraós pintavam os olhos para que evitasse que as pessoas olhassem-no diretamente, era um símbolo político de respeito. Mais ou menos na mesma época, Cleópatra já usava pó khol nas pálpebras, assim como tomava banho de leite e usava argila no rosto. Começa a distinção das classes sociais através do uso de maquiagem e também a distinção entre homens e mulheres. As mulheres deveriam ter a pele clara e os homens a pele escura.